A 5ª Conferência Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência ocorreu no dia 05 de outubro no Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) em Guaratuba-PR. O evento abordou o tema “Cenário atual e futuro na implementação dos direitos das pessoas com deficiência: construindo um Brasil mais inclusivo”, e objetivou analisar, propor e deliberar propostas para a Pessoa com Deficiência, com base na avaliação do município.

Aproveitou-se a ocasião para colocar em votação propostas para os quatro eixos temáticos: 1) Estratégias para manter e aprimorar o controle social assegurada à participação das pessoas com deficiência. 2) Acesso das pessoas com deficiência para a construção de Políticas Públicas. 3) Financiamento de Políticas Públicas para a pessoa com deficiência. 4) Acessibilidade e Tecnologia Assistiva.

Participaram do evento compondo a mesa, o Secretário de Urbanismo, Cláudio Dal Col, representando o prefeito Roberto Justus; a Diretora Geral, Maricel Auer, representando a Secretária do Bem Estar e da Promoção Social, Lourdes Monteiro; o presidente do Conselho, Jomar Ricardo Henning e; a engenheira Amanda Gallucci (FUPEF), responsável pelo estudo e projeto técnico do Plano de Mobilidade Urbana de Guaratuba, atuando também como palestrante no evento.

A elaboração do Plano de Mobilidade Urbana de Guaratuba iniciou em fevereiro no contrato firmado entre a FUPEF e a Prefeitura Municipal de Guaratuba e tem término previsto para o mês de outubro, totalizando 9 (nove) meses de estudos, levantamento e elaboração de propostas de ações. A vigência do Plano de Mobilidade será de 10 (dez) anos após a sua elaboração.

O Plano de Mobilidade Urbana é um instrumento de política instituída pela Lei de mobilidade urbana nº 12587 e atua como uma ferramenta de planejamento, orientação e desenvolvimento do transporte em áreas urbanas e seus arredores. Objetiva orientar municípios para que ações de planejamento urbanos.